02/02/11

Gosto de caminhar sem destino definido. Mas já passei demasiadas vezes por estas ruas; de um saltinho, vou de um lado ao outro sem ver nada de novo. Um dia vou caminhar por aqui e mostrar a minha casa a alguém que é de longe, mas que eu vou querer perto. E nesse dia vai ser verão.

1 comentário:

Francisco Almeida disse...

(Feito estúpido, respondi no meu, em vez de ter respondido aqui. É só para estares informada*)