07/09/10

Hoje acordei e estava a chover e tu nem sabes quão bem isso me soube. Gostava que chovesse a semana toda, sabes? Assim a confusão do meu quarto, da minha cabeça, da minha vida, esta confusão em que estagno sempre que o futuro é incerto, sempre que estou numa situação transitória, acontece no ambiente apropriado. Nada melhor que o céu cinzento, gotas de chuva na janela e vento fresco a soprar-me nos braços. E depois, tu sabes, a única transitoriedade que gosto é a das estações do ano.

3 comentários:

alicenunes disse...

são sim, porquê?

alicenunes disse...

woow, obrigada, mas acho que isso só acontece porque a máquina é boa x)

anne disse...

li este três vezes, e ainda o acho lindo.