06/03/11

Eu não me importo e eu não estou aqui.

1 comentário:

Francisco Almeida disse...

Não me vou armar em reivindicativo, mas acho mesmo que já ninguém confia em ninguém. Fazem-se confidências, mas não as que são importantes. Nhé. Se ninguém se queixa, para quê dizer que tem de ser mudado?