18/09/09

Por mais que te tenhas escondido
Nunca deixei de te ver
E por mais que tenhas desaparecido
Voltaste sempre a aparecer.
Nunca me disseste quem eras
E eu nunca te vou dizer quem sou.
E por mais que tenhas ido
Não vou negar o que passou.
Não, nada pode ser feito
Para mudar o que mudou.
Por mais que te tenhas escondido
Eu nunca deixei de te ver
E podes ir quando quiseres
Que tu nunca vais morrer.
Por mais que te escondas de mim,
Por mais que ninguém de veja,
Sei que nunca te vou perder.

18 de Setembro de 2009

1 comentário:

Péssima Estreia disse...

que fofinho ^^ a sério! gostei bueeeee! :D